Em dezembro de 2009 New York estava sob uma suposta ameaça de um novo ataque terrorista. Nesse contexto foi criada e colocada em ação a intervenção “Panic On/Off”: formalmente inspirada num obra do Grupo Poro, a intervenção consistiu em colocar adesivos simulando “interruptores de pânico” em paredes do espaço urbano da cidade. Foram fixados cerca de 40 adesivos principalmente na área de Queens, Times Square (proximidades) e Village.